sexta-feira, 30 de março de 2012

12 ...13 ...

- Dói?

A pergunta infantil escapara dos lábios de Harry antes que ele pudesse contê-la.
- Morrer? Nem um pouco - respondeu Sirius. - Mais rápido e mais fácil que adormecer.

ROWLING, J. K.   Harry Potter e as Relíquias da Morte. Tradução de  Lia Wyler.  Rio de Janeiro: Rocco, 2007, p. 543.
Morte. Um fim temeroso. Apesar de ser a única certeza daqueles que estão vivos, é uma daquelas certezas que ninguém gostaria de ter. Se pararmos para pensar friamente, temos sempre, desde que nascemos, um cronômetro regressivo sobre nossas cabeças que, a despeito dos nossos esforços, ainda somos incapazes de ler. Sabemos que vamos morrer, raramente somos preparados para isso, mais raramente ainda temos uma boa relação com esse fato.
Curiosamente, a despeito de sua representação clássica ser tétrica, sombria, amedrontadora - um esqueleto ainda coberto parcialmente com carne (ou seja, em processo de decomposição) ceifa cabeças e mãos em um descampado - com a vivência do oráculo, temos a certeza que a Morte sempre é bem-vinda. Parece tenebroso o que digo, mas não é. Só quando chegamos ao fim de uma coisa somos capazes de começar outra, e outra, e outra... Já viu quando pegamos muitas coisas simultaneamente, como ficamos desbaratinados? É horrível! E o que desejamos nessa hora? Que TUDO ACABE!
Fins são bem vindos.
<><> <><>
Taro Mitológico - Liz Green
Estamos, aqui, lidando com o aspecto de cura. Ao invés de relacionamos imediatamente a idéia de Morte à idéia de perda, deveríamos primeiro pensar na idéia de finalização de um processo doloroso. A cura e a morte, nesse caso, são possibilidades de uma mesma causa - a doença.
Temos que voltar um Arcano para entender isso.
O Enforcado é uma carta comumente relacionada à ilusão. À espera que não garante resultados. à estar preso por opção, mesmo que inconsciente. Esse terceiro sentido é o que nos motiva a indicar essa carta como motivadora de doenças. Porque a doença é um sinal do corpo para um padrão inadequado mantido por certo tempo ou, em alguns casos, herdado geneticamente. Doença, por si, não tem culpa e não é resultado de culpa, mas gera culpa e reflete-se em culpas. O período em que estamos doentes, geralmente nos leva a refletir que razões nos levaram àquele estado.
O que a gente se esquece é que, na doença, coexiste a convalescença - do corpo, e do espírito também. O tempo que temos para refletir e curar o corpo, cura a alma e nos prepara para a visita da Morte.
Daquela representada no Arcano XIII, e daquela que tem o cronômetro ilegível como emblema, também. Convalescer é nascer de novo do ventre da própria Morte. E isso, meus amigos, é um mistério que, mais que solver, devemos admirar, devemos viver em intensidade.
Convalescer é morrer para padrões negativos de conduta. Para questões mal resolvidas de alma. Para rebarbas que enfeiavam nosso próprio ser. Na doença, o símbolo, na morte, a libertação.
Do Enforcado, a Morte.
Essas são palavras sobre as cartas 12 o Enforcado e  13 a Morte , de Emannuel  Santos , http://conversascartomanticas.blogspot.com.br/ , um Tarologo que respeito e muito como profissional e amigo e sou GRATA pelo texto :) e deste ponto continuo com minhas divagações ...
 Quando a carta 13 sai num jogo de cliente  ,vejo como reação automática de quem esta diante da imagem de um esqueleto  a  de pular  na cadeira e virar o rosto em negação de algo temido e desconhecido , assim como há os que me pedem que se alguém próximo ou ele mesmo  estiver com a morte anunciada que eu por favor nem lhe diga . Reações particulares, que vai de cada um em lidar com as perdas.
Russian Tarot Saint Petersburg
O medo da morte é universal e ancestral  e o ser humano já nasce com este medo e o carrega ao longo de sua vida, ate que num exercício diário de desapego, vive cada dia como se fosse o ultimo ou seja , priorizando o hoje e não daqui a 3 anos  . Não é de um minuto para outro que nos tornamos relax em abrir mão,de amigos , amores ,emprego etc ...De verdade o medo é de perder  a  ZONA de CONFORTO ,onde tudo aquilo nos “garante” que nada vai mudar e tudo estará sempre bem . Mas não é assim, vira e mexe o tapete sai de debaixo de nossos pés para que possamos saltar e crescer como seres humanos, pois dependência e acomodação, nunca foi sinal de maturidade. E ate agora em questões teóricas deve estar fazendo algum sentido para o leitor que ate esta pensando  em situações meio que distante de sua historia pessoal ,não é mesmo?  Nem tanto, como a Tarologa que vos escreve também faz leituras pessoais , me deparei com estas cartas e um jogo , e ai pensei , e agora ? A paciente sou eu , e hora de por em pratica as palavras acalentadoras e motivadoras que tantas vezes disse.Confesso que vislumbrei uma cirurgia para mim através da carta 13 mas não sabia qual porque ate então o organismo estava funcionando sem percalços. Até que um dos meus olhos mostravam luzes coloridas e então a escuridão, foi simples assim , dos efeitos especiais ao diagnostico, pude sentir a escuridão dos sentidos e procurei o mais rápido possível um Oculista, sim , algo nos meus olhos me privaram temporariamente o sentido da visão do olho esquerdo , e onde fica toda essa teoria de tantos autores sobre a carta da morte  e o do enforcado ? O que fazer quando o medico diz: Para tudo! Vai para casa e faz repouso absoluto, esforço zero para você antes e depois da cirurgia! Mas Doutor, quanto tempo isso vai durar? O tempo vai depender da reação do seu organismo, serio?  Este foi o dialogo inicial após um diagnostico de

                 DESCOLAMENTO DE RETINA que provocou um DESLOCAMENTO DA ROTINA para uma taróloga capricorniana com ascendente em escorpiao  e seu medico que ate 5 minutos atrás era um desconhecido, também se viu forçada pelo corpo e pelo medico a cancelar as férias no Osho Internacional Meditation Resor na India e se mudar para a casa da Irma onde teria assistência 24 horas. É o que vou compartilhar nas próximas linhas, pois foi a hora de praticar tudo ,sem exceção de virgulas ou traços o que costumo falar em consulta . Quando percebi que meu olho esquerdo estava com uma mancha preta (era so o que enxergava  corri para um medico, o primeiro que pudesse me atender naquele dia , encaminha aqui, exames de fundo de olho ali , me vi diante de um jaleco branco dizendo categoricamente é caso de cirurgia e muito serio !!! Tenho data para quinta próxima , meu instinto gritava dentro de mim que podia confiar!!! aceita a cirurgia , não temos tempo a perder !!! Me ouvi e marcamos a cirurgia , e enquanto tomava as providencias antes da operação me senti a beira de um poço escuro por muito pouco poderia tropeçar e cair num fundo escuro ou andar devagar  passo a passo ate que pudesse sair daquela borda circular  . Assim eu fiz, caminhei lentamente e dia a dia, fui entendendo que o caminhar em círculos serviria para rever cada virgula da minha vida .
Assim que  sai da dor física (tipo uns 4 dias depois da cirurgia) , decidi  organizar  meus dias , todas as  manhas fazia a MEDITAÇÃO : Osho Falando Com o Corpo e a Mente ,( através desta meditação meu corpo me mostrava porque cheguei aquele ponto , o que, e quem se transformaria nos próximos tempos, foi revisão de vida mesmo . Segundo Osho qualquer técnica de meditação quando feita durante 21 dias consecutivos, é profundamente transformador e assim foram muito mais que 21 dias)  
Passados uns dias de iniciada a meditação , o intelecto pediu uma atividade porque a medida que o tempo passava  o corpo tinha que ficar mais inerte na cama, o cérebro compensava a falta de ação física , haviam dias que as idéias borbulhavam e ate dormir ficou difícil , comecei a escrever tipo um DIÁRIO DE BORDO  , registrava pensamentos , emoções e idéias para depois da tempestade ,  passei a estar atenta , cuidando para que as emoções não se alterassem , porque qualquer  mudança de temperatura e pressão  atingiria o olho e seu funcionamento . Desta maneira minhas manhas estavam preenchidas. O corpo pedia mais (afinal sempre estive em ação e o exercício era estar simplesmente sem ação)  
Após o almoço para não deitar com estomago cheio ficava  por uns minutos sentada e decidi TRADUZIR E ESCREVER A MÃO NUM CADERNO , um ou dois parágrafos por vez do Golden  Taro da Liz Dean , do ingles para o português,  e como não conseguia fixar a vista por muito tempo acabava DORMINDO um pouco e ao acordar continuava deitada e assistia um pouco de TV . Em alguns dias que recebia VISITAS e alterava bem feliz a “rotina” , porque conversar e interagir nesta situação é o melhor remédio , alem de tudo vem com doses de atenção e carinho .
E este também foi um grande aprendizado, FOCAR NO QUE EU TINHA DE REAL, em termos de amigos, afetos e atenção e não super valorizar os que me faltavam  e me deixavam na posição de coitadinha . Este padrão mudou na marra porque ao longo destes mais de 2 meses, pude ver as mais variadas reações das pessoas a minha volta em relação a uma doença delicada como a que tive . Aprendi que a doença não  era só para me mobilizar , mas também mobilizar meu circulo familiar e de amizades e lhes dar a oportunidade de se transformar diante dos meus olhos , foi então que  o aprendizado aconteceu para mim e para os que continuam fazendo parte da minha rotina , porque bem  silenciosamente comecei a selecionar a quem receber e a quem atender telefonemas , permanecendo com quem de fato se importou ,sem economia de emoções.  Nesta hora me permiti ser poupada de discussões de relação. Vale dizer que nem sempre a presença física foi possível , mas sim a inteireza, seja de um email ou de um telefone , presença física nem se discute o quanto e bom , mas a distancia as vezes e atravessa oceanos impossibilitando a presença física , mas com skype , facebook e email pude me sentir muito mais próxima de amigos(as) em terras distantes do Rio de Janeiro.
Com as descrições acima parece que o dia estava completo,cheio de atividades ainda assim faltavam longas horas para terminar as 24 horas oficiais do dia porque, extra oficialmente o dia parecia ter 48 horas , o exercício de paciência e passividade tornava tudo devagar e lentamente disponível e eu de repouso , absolutamente não enlouqueci , tive dias dificeis , muitos deles  . Eu estava em câmera lenta , o mundo girava como sempre.
Joguei TAROT  muitas vezes , como amante das cartas meu kit consulta estava comigo , fazia jogos de poucas cartas e os lia para mim mesma de vários ângulos, afim de ampliar seus significados , relendo cada uma delas . Toda essa rotina foi acrescida de IDAS AO MEDICO uma ou duas vezes por semana. Que entre varias orientações também me pedia que ficasse o maximo de tempo com a cabeça para baixo para evaporar mais rápido o gás que ele usou na cirurgia. Numa aceitação resignada também inclui na minha rotina momentos estar DE CABEÇA PRA BAIXO onde descobri que poderia colocar meu computador no chão e me CONECTAR  por pouco tempo a INTERNET .
Tarot Waite
Durante esses longos meses por muitas vezes balancei como um bambu com a possibilidade de desistir e esmorecer trazendo risco a minha vista ou aprender a  lutar silenciosa e passivamente e exercitar minha confiança em um ser maior e pleno que estava do meu lado para vencer aquela etapa difícil , aceitei e me entreguei ao sacrifício voluntario tão mencionado na carta 12 e durante esta longa espera obedeci ao medico que sempre me  garantia que tudo ia ficar bem , foi fundamental , confiei no medico , me entreguei ao processo de cura e me empenhei no repouso , rezei muito , se antes eu já acreditava , hoje reafirmo  esta confiança, recebi reikis , vibrações de cura , rezas e orações de varias correntes do bem , a Gratidão é enorme  por esses seres queridos do céu e da terra .
Hoje estou em outra fase, a  de me readaptar a vida fora de casa , com a certeza de que o tempo demorou mas passou e aos poucos a cura chega, afinal falamos da carta 12 ... da 13 e na seqüência vem  a 14 a temperança , é a fase atual , que fala de equilibrio , de curas alternativas e de paciência agora praticados nos tratamentos espirituais  que já inicei e na readaptação da rotina .É aprender a fazer do tempo meu  maior aliado.
Resolvi escrever sobre minhas auto observações  durante esses meses de recuperação, porque é muito lindo e soa quase perfeito você ver alguém frágil e lhes dar sugestões sobre o que fazer com suas dificuldades  E você enquanto terapeuta estar ali todo arrumada e penteada na cadeira falando sobre as questões alheias. Me descabelei sim, chorei muito , tive medo , vivi um caos interno como ser humano e enquanto taróloga pus em pratica as lições da vida e busquei o melhor para passar aquele momento dificil  , fui fundo na doença porque negar so atraza a cura e ela faz parte da vida de qualquer ser humano inclusive da minha .  Aos poucos retorno ao meu cotidiano com a certeza de estar muito mais fortalecida.
Gratidao aos que estão comigo nessa jornada .
Love Mangla

6 comentários:

  1. Prem, é uma honra para mim ter caminhado ao seu lado no Arcano XII, no XIII, no XIV e em todos os outros 19. Que os Deuses mantenham sua coragem e os bons amigos perto, e que os demais tenham ocupação para não encherem a paciência.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emanuel , seus comentarios sao sempre bem vindos :)bjs

      Excluir
  2. Mangla, morrer e renascer a cada momento constituem-se como um grande aprendizado cármico para todos nós... Que a energia do renascimento prevaleça e que todos nós consigamos estar prontos para o novo! E que o novo venha, repleto de alegrias, realizações, prosperidade, amor e LUZ! Um beijo super carinhoso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beto , Que lindas palavras , nos transformamose renascemos a cada dia e a beleza da vida e poder compartilhar :) bjs

      Excluir
  3. Doce e querida mana bruxa, você venceu seu maior desafio, enfrentar a si mesma, no silêncio e por vezes até no escuro. Para uma Capricorniana ter que pisar sem ver o chão é quase um pecado mortal, mas era preciso olhar para dentro e trazer à tona toda a maravilha de pessoa que você é, toda a sutileza entremeada com uma certeza inabalável de que tudo sempre acaba bem...esta é você! Na plenitude da feminilidade, vivenciando a experiência do renascimento, e descobrindo graças à visão aguçada de águia que vc tem, as cores mágicas que o Universo oferece, e mais, que você é única e preciosa para aqueles que souberem enxergá-la e fizerem por merecer sua amizade e carinho!!!
    Que o Universo continue colorindo a sua vida todos os dias e que vc em cada um deles sinta-se mais e mais especial e certa de que amigos estelares estão se reencontrando e isso, sem dúvida alguma é para sempre, por assim foi feito, e assim será!!! bjocas de Luz!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cigana, obrigada por suas palavras , continue espalhando luz por onde passa . Bjs

      Excluir