segunda-feira, 18 de julho de 2016

Vivência de Hoponopono


OSHO ZEN TARO | Apego ao Passado,
Adiamento, Deixando ir 
Desde a mais tenra idade colecionamos lembranças, fatos, historias e sentimentos, pois é isso que nos faz crescer e nos da experiência de vida, sejam eles positivos ou negativos, fazem parte da nossa historia, mas não significa que devemos estar sempre com estes arquivos on line para acessa-los a todo momento, principalmente as partes difíceis e tensas de nossa historia; Mas se mesmo assim após muitos anos ainda temos a nossa coleção de dificuldades sentimentos negativos, sempre on line, o acumulo do passado se transforma em peso e dificulta e muito de enxergarmos as novas possibilidades a nossa frente (no presente). E como se toda vez que assistimos a um filme nos emocionamos negativa ou positivamente  com aquele enredo durante as horas em frente à tela, mas no dia seguinte de manha estaremos com a atenção voltada para o cotidiano e se ainda estivermos sob efeito do filme não poderemos enxergar o que a realidade nos
traz, então se pergunta quantos filmes você já viu na sua vida? E eles continuam te causando emoções?   Assim e com as sensações acumuladas ao longo do

tempo. Pois este acúmulo não nos permite distinguir as cores do momento e pesam tanto que a vida parece estar em câmera lenta. Algumas pessoas se orgulham de tantos sofrimentos que perdem a noção de que elas mesmas se aprisionam; Para os que não querem estar presos ao passado existem muitas formas de desapegar deste peso. Com a Nova Era virando
a esquina sou muito grata às varias técnicas de cura alternativas que vem surgindo ao longo dos últimos anos; Posso pensar em Apometria, Constelação Familiar, Terapias, Reiki, Novena e tantas outras ótimas ferramentas que surgem a todo o momento, e a que tenho tido ótimas experiências de liberar as difíceis
memorias antigas é o Hoponopono, tenho indicado aos meus clientes nos últimos tempos e faço para minhas questões pessoais também; Um ótimo upgrade nos arquivos, a questão não é esquecer o que nos foi negativo, mas com o Hoponopono soltamos as tensões daquele episodio e nos tornamos mais leves para seguir em frente e passamos a ter outro olhar sob aquela experiência. Esquecer não esquecemos, mas elas fazem parte do nosso passado e é lá que passaram a ficar e nos deixam mais leves e fortalecidos para seguir a diante.  E é por isso que a partir de agora na http://www.aglaedh.com/

Estarei facilitando mensalmente a Vivencia de Hoponopono para que tenhamos o suporte do grupo para revisitarmos alguma parte de nossa memoria, escolhida por nos para ser liberada. 
Aguardo vocês para esta nova experiência!  



domingo, 29 de maio de 2016

RUI PEREIRA | WORKSHOP CARTOMANCIA TRADICIONAL

Com muita alegria estamos organizando em parceria com a 
Aglae DH http://www.aglaedh.com/,

o Workshop de Cartomancia Tradicional 
com o renomado Cartomante Portugues, 
 RUI PEREIRA (ruipereira.com.pt) 

que estara de passagem pelo Rio de Janeiro, Brasil, Uma oportunidade unica de novos aprendizados, Confira !
 Ligue para a Aglae e garanta sua vaga ! 
Tel - 21 38261914 

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Bruxas Más, Fadas ou o Que ?

Quando um cliente faz contato e marca uma consulta de leitura de cartas não sei qual a sua expectativa  para a consulta, se vem por simples curiosidade ou se deseja ouvir algo especifico  ou se quer novos caminhos para suas questões ou por outra razão. O Fato e que marcamos um  horário e até o dia da consulta não recebo informação ou roteiro antecipado de ninguém sobre aquela pessoa. No dia da consulta assim que esta a minha frente, pergunto o que o(a) traz a consulta, para saber naquele momento, a questão motivadora daquela encontro; Então partimos para abertura das cartas que é por onde recebo as informações necessárias para aquele cliente .  Durante a consulta comigo, quem escolhe as cartas é o
próprio cliente, então entendo que ele mesmo que esta selecionando por onde observar e caminhar na sua historia pessoal durante a consulta. Partindo deste principio faço alguns jogos gerais e em seguida vamos às perguntas objetivas do cliente.    Assim flui uma consulta de taro, não tem rotina nem formula especifica, porque cada cliente descortina um mundo de informações e historias e através delas trocamos palavras e buscamos novas possibilidades, assim acontece para os que buscam alguma nova nuance de contorno ou trajeto novo e com gratidão ouvem e acolhem as sugestões, sim são sugestões baseadas nas cartas escolhidas pelo próprio cliente, para alguns tem sido positivo porque transformam o seus respectivos olhares e deixam de ver e valorizar o que perderam para vislumbrar novos ângulos e roteiros para suas próprias vidas, aprendendo aos poucos a superar desafios e reconstruir suas novas conexões para então transformar por si mesmo sua vida.
Porem, quando o cliente vem a uma consulta e apresenta uma historia que levou anos para se tornar um balaio de gato o que fez com que esses longos anos tornem esta pessoa bem melancólica e infeliz, acostumada com esta vida descolorida e absolutamente sem graça e sem cor e mesmo depois de trocar algumas palavras com a cartomante, o cliente insiste na queixa e na miséria e enquanto isso, a cartomante nada pode fazer além das palavras trocadas durante a consulta e quando o encontro termina de um jeito ou de outro a vida segue para todos,  a cartomante com sensação de ter feito a parte dela e o cliente que sempre prefere reclamar, agora acrescenta a Cartomante a sua lista de queixas, porque para estas pessoas haverá sempre um outro a ser  o culpado de suas mazelas , o que ainda não aprenderam é que o acontece em nossas vidas é fruto de nossas ações e pensamentos.
E nesta historia toda o que mais me chama atenção é a “cultura” de que Cartomante pode prever o futuro sem se importar com o presente do cliente e muito menos com seu passado mesmo que as cartas mostrem algumas coisas, ela (a cartomante) como ser magico deve transformar tudo em Ilusão e lhes pedir que esfregue a lâmpada como fez o Gênio do Aladim onde seus desejos serão realizados, não somos Gênios da Lâmpada, nem Fadas nem Bruxa Má, somos seres humanos que estudamos muito as cartas enquanto símbolos como ferramentas de transformação e aconselhamento e eu acrescento que meu coração sempre pede para dizer sempre a verdade nada mais que a verdade, mesmo que esta verdade me torne aos olhos do cliente a Bruxa Má do Leste,  dos mesmos contos de Fadas. Porque se for pra falar em magia,  a grande magia das cartas são as verdades reveladas em seus símbolos que nos apontam um vislumbre de novos caminhos e direções com o suporte que as mesmas nos dão para rever sentimentos e atitudes e nos encorajam a desembolar nossos balaios de gatos pessoais ,  desembolar a vida e reorganizar a casa leva muito mais tempos do que uma consulta de taro , a magia da consulta são as novas direções vislumbradas e acatadas pelo livre arbítrio do cliente em segui-las ou não.
O livre arbítrio é a ferramenta que nos deram para gerenciar nossas vidas em todos os setores, se algo funciona ou não, foi o nosso livre arbítrio que decidiu. Todas as nossas escolhas ao longo da vida
foram decididas por nós mesmos, então se algo não funciona é um pedido para que revisitemos nossas decisões, sejam numa consulta as cartas , seja durante uma meditação, seja numa conversa com amigos, ou de outra forma; Da forma que for será um repensar do que fizemos ate aquela situação incomodar.  Mudar caminhos e pensamentos também depende de nos, existe um mundo de opções a nossa escolha, vamos buscá-los? 

terça-feira, 22 de março de 2016

O que tenho de aprender com isso ?

Nestes tempos de Quaresma, Pascoa Católica  e Purim (Festa Judaica) , observamos um contrassenso dos festejos com o que esta no noticiário, pois  a humanidade esta vivendo tempos difíceis , cada país com suas características e dificuldades, o que levou a esta situação não e o que vamos falar aqui e sim o que cada individuo pode fazer pela sua própria pessoa e que pode levar a novos tempos bem melhores. 
Somos como uma gota no oceano e que se cada um cuidar de si mesmo e se tornar uma pessoa melhor o seu mundo pessoal refletira a sua volta, na família e no seu trabalho e na sua vizinhança. Seja a diferença que você quer a sua volta, mude em si pequenos hábitos que tanto cobramos  nos outros ; Ao invés de reclamar por determinadas situações , se pergunte:” O que tenho de aprender com isso?” Com esta pergunta nos colocamos como aprendizes de nos mesmos. Não reclame do outro , mude sua atitude  para melhor é claro.
Julgamento e críticas ao outro refletem uma insatisfação interna que não temos coragem de tocar e transformar e assim , enrijecidos e sedimentados por nossas frustrações nos tornamos déspotas de nos mesmos, porque estamos sempre em busca de uma inexistente perfeição . A única perfeição comprovada é a de Deus , fora isso estamos todos (inclusive eu que escrevo esse texto) na condição de aprendiz e que muitas vezes a vida se  repete em cenas e situações nos trazendo a sensação de dejavu quando então pensamos já vi e vivi isso , porque se repete ? Se  repete porque não aprendemos , assim como figurinha repetida não preenche álbum , as cenas repetidas só nos mostram a nossa arrogância em achar que já esta tudo resolvido; Resolvido e saldado como divida carmica estará quando a vida passa a fluir sem stress, mesmo que problemas surjam ao longo do caminho , a maneira como lidamos com eles e que modificou. Não estou falando de nos tornar Budas e Mestres Ascencionados  e sim de nos tornar humanos melhores , pois enquanto houver uma fagulha de raiva e de frustração estaremos alimentando nossa pior parte e então as situações repetem de novo e de novo e tantas vezes necessárias ate que de nossos corações brotem o perdão e o amor incondicional . Somos eternas crianças aprendendo a conviver uns com outros e as muitas diferenças entre nós ; Este é um desafio eterno, cada um de nos esta em um degrau desta infinita evolução , mas o fato de estarmos caminhando para uma melhor direção nos garante a auto transformação, a reforma intima ou autoconhecimento.
Estar diante desta tela e escrever sobre  transformação remete a minha rotina de cartomante que se vê diante de pessoas em busca de um futuro que ainda não aconteceu porque seus passados remotos e recentes ainda lhes pesam no presente, lhes deixando estagnados em algumas partes de suas vidas, isto é transformar, muitas vezes sou procurada porque a vida prega peças e não sabem o que fazer nem o que pensar, pois raciocinando sem julgamentos,  torna o impossível mais leve e possível.
Façamos cada um de nos a nossa parte individual , porque viemos únicos e individuais quando nascemos e vamos partir deste planeta como seres individuais também. Olhemos para nossos umbigos e vamos em busca de nos tornar pessoas melhores . Não adianta ter verdades supremas quando ainda temos muitas lições a aprender.
Encerro aqui este ciclo com a reflexão: Vamos ter outra chance? Se não fizer por mim agora farei quando? As circunstancias também não se repetem por isso vamos viver o hoje e tirar o melhor proveito e aprendizado por mais duro que seja a lição e situação, sejamos muito felizes com o que temos, somos e sonhamos ao invés de querer o que o outro tem por merecimento e com certeza muito esforço. Mas não nos deixemos enganar pelas falsas belezas porque nem tudo que reluz e ouro e nestes tempos conturbados e fácil cair na ilusão e no glamour, Deus criou um mundo simples e natural que acolhe as benfeitorias para a humanidade e não as que são movidas a ganancia.
Feliz Novos Tempos de Amor Universal, Que o amor incondicional seja uma premissa de realidade e não apenas um sonho. 
PS: Deixo aqui um link e o texto da Grande Invocação que e uma ferramenta de Transformação muito valiosa. Namaste
http://pax.org.br/a-grande-invocacao
Do ponto de Luz na mente de Deus,
que flua Luz à mente dos homens,
e que a Luz desça à Terra.
Do ponto de Amor no coração de Deus
 que flua amor ao coração dos homens,

que Cristo retorne à Terra.
Do centro onde a vontade de Deus é conhecida,
que o propósito guie as pequenas vontades dos homens,

propósito que os mestres conhecem e servem.
Do centro a que chamamos a raça dos homens
que se realize o plano de Amor e de Luz

e feche a porta onde se encontra o mal.
Que a Luz, o Amor e o Poder
restabeleçam o Plano Divino sobre a Terra hoje

e por toda a eternidade. Amém.

quarta-feira, 16 de março de 2016

HOPONOPONO



Faça esta oração em  relação à qualquer problema com qualquer pessoa; ao se fazer o apelo ao Divino Criador estamos nos dirigindo à divindade que existe dentro de todas as pessoas, que é a extensão do Divino Criador. 



1 )"Divindade, limpe em mim ou em outras pessoas , as memórias que estao causando  este problema. (Dizer o problema) " (Fale 3 vezes )

2 ) Então repita 10 vezes  as frases desta sequência : 

"Sinto muito - Me perdoe -  Te amo -  Sou grato."

 Você pode destacar uma que lhe toca mais naquele momento e repeti-la. Deixe sua intuição lhe guiar.


3 ) "Divino Criador, pai, mãe, filho em Um... 
Se eu, minha família, meus parentes e ancestrais lhe ofendemos, à sua família, parentes e ancestrais em pensamentos, palavras, atos e ações do início da nossa criação até o presente, nós pedimos seu perdão... 
Deixe isto limpar, purificar, libertar, cortar todas as recordações, bloqueios, energias e vibrações negativas e transmute estas energias indesejáveis em pura luz... Assim está feito."

Ao fazer o
 Ho'oponopono você pede a Deus, a Divindade, para limpar, purificar a origem destes problemas, que são as recordações, as memórias. Você assim neutraliza a energia que você associa à determinada pessoa, lugar ou coisa. No processo esta energia é libertada e transmutada em pura luz pela Divindade. E dentro de você o espaço vagado é preenchido pela luz da Divindade. Então, no Ho'oponopono não há culpa, não é necessário reviver sofrimento, não importa saber o porquê do problema, de quem é a culpa, sua origem.
No momento que você nota dentro de si algum incômodo em relação a uma pessoa, ou lugar, acontecimento ou coisa, inicie o processo de limpeza, peça a Deus:

Quando você diz "Sinto muito" você reconhece que algo (não importa se saber o que) penetrou no seu sistema corpo/mente. Você quer o perdão interior pelo o que lhe trouxe aquilo. 

Ao dizer "Me perdoe" você não está pedindo a Deus para te perdoar, você está pedindo a Deus para te ajudar se perdoar.

“Te amo" transmuta a energia bloqueada (que é o problema) em energia fluindo, religa você ao Divino.

"Sou grato" é a sua expressão de gratidão, sua fé que tudo será resolvido para o bem maior de todos envolvidos. 

http://www.hooponopono.ws/