segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Perspectivas do Baralho Cigano : Amor

Em parceria com  AglaeDH, estamos iniciando Vivencias com o Baralho Cigano por topicos específicos; 
O tema que iniciaremos sera o AMOR

Esta Vivência destina-se àqueles que querem aprofundar seus conhecimentos do Baralho Cigano. Será uma oficina prática, onde realizaremos leituras de jogos enfatizando o amor, as relações amorosas e suas questões. 

Data: 17/NOV (Sábado)  | Horário: 10h às 14h
Ligue e Confirme sua Vaga | 21 38261914

quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Sobre o Livro Maria Padilha Os Segredos da Pombagira Menina


Maria Padilha
Segredos da Pombagira Menina
Sebastiao Cabral – Ed Madras

Desde que conheci o Baralho de Maria Padilha (by Eliane Arthman) venho estudando suas cartas e pesquisado  em livros e tenho aprendido muito com essa moças, a cada consulta com este baralho ou a cada curso que ministro, recebo mais e mais intuições com novos conhecimentos  e as admiro cada vez mais; Recentemente encontrei na Livraria Cultura o livro: “Maria Padilha - Segredos da Pombagira Menina”do autor:  Sebastiao Cabral – Ed Madras. 
Que traz uma linguagem bem simples e uma narrativa suave, o autor escreve a historia de Bruna na Serra da Mantiqueira sob a proteção de sua Guardiã Dona 7 Encruzilhadas em vários cenários , tanto no plano físico   quanto no plano espiritual e as nuances históricas transitando por varias  fases históricas da humanidade de cada fase e espaço terreno e espiritual. Pontuando  entre outras épocas o inicio da Umbanda no Brasil, mencionando o médium Zélio de Moraes, e o momento histórico naquela ocasião no Brasil e as guerras que ocorriam no mundo  e suas consequências. Num requinte de detalhes, o autor nos descreve minuciosamente fatos da historia e também enfatiza e pontua a seriedade e o real trabalho dos Exus junto aos seres viventes (expressão do autor) em vários momentos de suas vidas, esses detalhes trazem a conhecimento, a vasta e extensa missão dos exus e seus vários segmentos e falanges. Informando aos que não conheciam e criam inverdades e aos para desmistificar as más interpretações sobre eles. E aos que já os conheciam se enriquecem  com tantos conhecimentos,
Vale conferir o livro que é  leitura recomendada aos que buscam conhecimento e aos que praticam a arte oracular destes guardiões para se formar  uma corrente de luz cada vez mais intensa.
Laroye!!!!

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Meditacao Ativa do Osho

Com muita alegria facilitarei 
as Meditações Ativas do Osho no 
Espaço Vibrante Energia 
Rua Manoel de Abreu, 788 - Vila Isabel . RJ 
Aguardo voces! Tel- 2141074050
-----------------------------------------------------------
Quartas Feiras às 9:30 h


segunda-feira, 9 de julho de 2018

24/05 Dia de Santa Sara


Considerada Padroeira do povo cigano, a história da santa remonta ao início do cristianismo. Os primeiros cristãos eram perseguidos pelos romanos e Sara, uma escrava egípcia de propriedade de José de Arimatéia foi capturada juntamente com as três Marias (Maria Madalena, Maria Salomé e Maria Jacobé).
As quatro mulheres foram colocadas em um barco que foi lançado ao oceano, sem remos e sem provisão. Por um milagre, após mais de 30 dias vagando sem rumo pelo mar, o barco aportou em Laguendoc, no Sul da França, na Ilha de Camargue, um local que seria conhecido mais tarde como Saintes Maries-de-La Mer ( traduzindo Santas Marias que vieram do Mar ).
Um grupo de ciganos que vivia por ali, socorreu as quatro mulheres e elas, em troca, levaram ao grupo os ensinamentos de Jesus, trazendo para eles a doutrina cristã.
Após a partida das chamadas "Três Marias", conta a história que Sara continuou convivendo com os ciganos e passou a ser chamada de Sara Kali, a palavra Kali significa "negra" na língua romanê.
Seu dia e comemorado em 24/05



segunda-feira, 4 de junho de 2018

Dias de Oráculo

Dias de Oráculos  
com Prem Mangla.
 AGLAE DH 
Serão atendimentos de 30 minutos, 
com valores reduzidos.

Prem Mangla faz Atendimentos com:

Tarot - Baralho Cigano - Osho Zen Tarot - Baralho Maria Padilha
Baralho Dona Mulambo - Baralho das Almas

Dias e horários de Atendimento:
Dia 06 de junho, 
quarta-feira, de 10h às 13h.
Dia 08 de junho, sexta-feira
de 9h às 13h (Manhã)
ou de 14h às 19h.
Faça seu Agendamento!
TEL : 21 38261914 



segunda-feira, 7 de maio de 2018

Como e a sua consulta?


Como e sua consulta? O que acontece durante seu atendimento?
Estas são perguntas vindas do cliente ao nos contatar, para a realizacao de um atendimento de orientacao atraves das Cartas. Este inicio de contato e quem define a escolha do cliente em agendar um horario com determinado profissional, pois a sintonia entre Taróloga /Cartomante e o Cliente são fundamentais logo no contato inicial seja por zap, email ou via voz , o cliente analisa se o retorno recebido lhe foi simpático , a disponibilidade do profissional e questão de tempo e localização assim como o  valor da consulta. Pois sua busca e por respostas ao seus dilemas e a esperança e também  de encontrar um profissional que se adeque as suas necessidades também financeiras. Após as questões praticas de agendamento, cliente e Cartomante/Taróloga se encontram presencialmente ou virtualmente e a consulta inicia. Durante a consulta a confiança e o dialogo são fundamentais para que não haja julgamentos e criticas de nenhuma das partes, pois os seres humanos são imperfeitos para sua própria evolução, portanto querido consulente, não existe verdades supremas de ninguém, as orientações do profissional  serão acolhidas apenas pela sua vontade.
No inicio do encontro há uma conversa rápida e informal, para que a curiosidade seja aplacada e as leituras possam iniciar com jogos de abertura, onde a profissional descreve pontos sobre o cliente a serem observados e   levados a iniciar a reflexão pelo próprio consulente, durante esse momento é estabelecido um espaço de confiança mutua para em seguida aprofundar as questões trazidas sobre as aflições do momento atual do consulente.
Dialogo e confiança são  fundamentais para que as respostas sejam o mais claras possíveis, essa respostas serão dadas pelas cartas que o consulente escolhe e traduzidas através da experiência, seriedade e intuição do Profissional, pois dois seres unem seus corações para
vislumbrar as possíveis soluções, pois a união faz a força e se consulente esta de cabeça quente e envolvido emocionalmente na questão, o profissional da o suporte com seu olhar neutro sobre a situação . As perguntas devem ser as mais objetivas possíveis e os assuntos podem ser, tanto pessoal quanto profissional, as orientações viram das cartas como uma bussola sugerindo novas direções, pois se o momento atual esta difícil ou embolado refletindo antigas escolhas que podem ser transformadas em experiências no presente e criando novas opções e caminhos no futuro. O livre arbítrio é exclusivamente do cliente em seguir ou não a orientação das cartas e nas suas futuras decisões.
Após  60 minutos ou 30 minutos que é o tempo escolhido pelo cliente, chegamos ao momento de encerrar a consulta com  uma mensagem das cartas registrando aquele momento de reflexão e transformação.

sábado, 3 de março de 2018

Seis de Copas e os Amores do Passado


Quando se fala em 6 de Copas podemos nos remeter a vários aspectos, mas hoje gostaria de abordar um aspecto especifico que tenho visto e constatado nas consultas e nos jogos feitos nas aulas de Taro, que é o aspecto do 6 de Copas que se refere à volta do amor do passado. 
Costumo dizer que, de alguma maneira, alguma informação chegará até o cliente, ou se esbarra com a pessoa em suas andanças, se lê um artigo da pessoa ou mencionando a pessoa, ou algum amigo a encontra e te traz as novidades. 
Hoje em dia, em tempos de Jornais Eletrônicos, Blogs, Google, Facebook, e tantas outras redes sociais e profissionais, as informações chegam rápido e rasteiras. Então, se sair esta carta em suas leituras, fique atento! 
Esse passado volta de forma inusitada por ter sido alguém muito importante e um sentimento muito forte que reverbera até hoje. Alguns voltam para trazer referências ao que se considerava importante numa relação e de alguma forma estava perdido, outros voltam para encerrar um ciclo de ilusões criados por você mesmo e a realidade vem à tona como um balde de agua fria.
Mas tem aqueles outros que voltam para ficar, porque não foram esquecidos! Porque o sentimento era forte e genuíno, mas, como num jogo de xadrez, os participantes movimentaram as peças inadequadas para aquela jogada e a partida se encerrou antecipadamente, por falta de experiência ou pela pouca idade. 
Ah, a imaturidade nos cega e nos torna impetuosos, nos fazendo buscar um glamour que não existe, ou por não ter naquele tempo o coração pronto para viver tal sentimento tão precioso. 
E então vem a pergunta nada básica: “Como reconhecer um Grande Amor?” Antigamente, se falava em Almas Gêmeas, criando expectativas “mega blaster” ilusórias e nos fazendo acreditar em relações perfeitas. Só que nada nem ninguém é perfeito! A construção da relação é feita pelos dois no dia a dia da parceria.
Mas afinal, o que faz o coração derreter e transbordar até doer, de tanto amor que sentimos por alguém?  

Um mistério nada teórico e muito prático para ser vivenciado e experimentado. Isso é supercomplexo, mas tudo começa de um ponto inicial, que é o despertar do interesse- sentimento-tesão por alguém que se torna especial aos nossos olhos e ao nosso coração. 
Esse despertar acontece de onde menos se espera, como quando encontramos agulha no palheiro, como os amores de carnaval que são vividos intensamente, como se não houvesse amanhã, alguns muitos casais estão juntos até hoje, mas outros voltaram para suas vidas, com promessas de contatos que não aconteceram porque foram absorvidos pelas respectivas rotinas e se perderam na multidão do mundo, mas lembrados quando se passa a vida a limpo e compreendendo que aquele amor era tudo, menos volátil. 
Uma cliente minha, depois de muitos anos, percebeu que um amor vivido no carnaval de Olinda, em sua juventude, era, na realidade, seu grande amor.
Por insegurança, imaturidade, pouca idade, ou até o conjunto de tudo isso, fez com que ela não percebesse que aquela pessoa não era “fogo de palha”, mas um amor verdadeiro.
Mas, como são as coisas, não é mesmo? Ela está em busca dele, mas só lembra seu primeiro nome. E, num mundo tomado de  tantos primeiros nomes sem sobrenome, com tantos lugares, no mundo, para estar, a busca dela parece uma missão quase impossível.
Devemos nos lembrar, no entanto, que se surgiu o 6 de Copas, esse amor do passado, que antes não foi valorizado como deveria, vai voltar. Quando ele voltar, receba-o de braços abertos...é isso que minha cliente está esperando.
E enquanto o 6 de Copas não surge no jogo, a vida, vai seguindo no rito do 7 de Copas que na sequência do Baralho é a próxima carta e o momento de saber reconhecer o real e possível dos amores e da vida. Porque a vida sem falsas crenças e ilusões e   real e libertadora.